Gerenciamento de projetos: Introdução, Experiência e Estudo - Parte I



Fala Galera! Quem é vivo sempre aparece. Depois de um tempo afastado devido motivos pessoais e profissionais, estou de volta com conhecimentos e assuntos novinhos em folha para compartilhar com todos vocês. Outro ponto importante é: Nunca mais eu vou fugir!

Neste post, vou falar um pouco sobre a carreira em Gerenciamento de Projetos. Você, aquele cara bacana, que trabalha com desenvolvimento a algum tempo e pretende expandir seus conhecimentos decide, seguir na parte de projetos.

Assim como vocês, tive todo tipo de desafio sobre o assunto. Para você que é formado, aquele cara que terminou sua graduação agora e possui como maior parte do conhecimento, o acadêmico porém não possui uma experiência no trabalho em si. Existe o grupo que está em transição de carreira, aquele que já conhece porém está entrando agora na especificação de gerenciamento. O terceiro grupo, é aquele que corresponde as pessoas que já são gerentes, porém, querem alavancar sua carreira. 

Existem basicamente 10 pontos específicos que são o alicerce do gerenciamento de projetos e serão abordados nest post:


  1. Experiência
  2. Relacionamento
  3. Estudo
  4. Planejamento
  5. Flexibilidade
  6. Autoconhecimento
  7. Dinamismo
  8. Persistência
  9. Foco
  10. Ética
Neste primeiro momento, estaremos focando nos seguintes pontos: Experiência e Estudo.

A competência no gerenciamento vem através da experiência. Uma coisa que você precisa ter em mente é: Ser PMP, Prince 2 não são experiência em gerenciamento de projetos e sim, certificações. A experiência vem da prática, dos erros e acertos que você fez em seu projeto. Além disso, a prática aprimora. Então a dica dada é: Busque os desafios. Não ache que o telefone vai tocar e lhe propor para ser gerente de projetos. Outro ponto importante é o aprendizado com os erros e aprender rápido. Se alguma coisa falhar, aprenda com esta falha. Internalize sua vida o conceito de gerenciamento de projetos. Na construção da casa, em uma obra, uma viagem. 

Para aqueles que estão iniciando, outra dica é: Esqueça o dinheiro, tire ele de prioridade. Se você quer iniciar neste ramo e já pensa no dinheiro, já está começando errado. Você precisa fazer um trabalho quase que "comunitário" em busca dessa sua experiência. Se o problema é: "preciso pagar minhas contas..." então, diminua suas contas pois, estes são os "tijolos" que irão construir sua carreira. Para aqueles que estão em transição, que estão saindo de uma função de desenvolvedor por exemplo e querem uma oportunidade nesta carreira. Avalie em todo seu trabalho, o que você fez em gerenciamento de riscos, em controles das partes interessadas. Você pode não ter percebido, porém, já deve ter executado isso em algum momento. Você precisa fazer trocas estratégicas, buscar experiências novas.

Falando sobre estudo, o primeiro de tudo é: Obsessão. Esta, difere-se muito de ignorância. Ignorância não é virtude. Você nunca deve achar, principalmente para aqueles que estão formando agora, que você fazer a sua obrigação como "ah, eu formei na escola, passei na média, não estudei nada e consegui". Isso não é virtude, pense fora da caixa, não estude o que você sabe. Se você já sabe programação, banco de dados mas é fraco em liderança, relacionamentos interpessoais ou MTA e EAPs, estude isso, vá ao básico. Entenda o que é o projeto, estude no exterior, idiomas, isso abre portas para o mundo. Você que está com tempo livre, sem trabalho, não use esse tempo para ficar em casa se martirizando. Aproveite esse tempo para se reciclar. Este é um excelente momento para você se atualizar e estudar ou, fazer aquele curso e treinamento que sempre quis, porém nunca teve tempo hábil para o fazê-lo. Faça cursos online, por exemplo o cursera. Faça cursos, não precisam ser cursos em gerenciamento porém, eles irão lhe ajudar. Você que já possui certificação, procure estudar temas alternativos e correlatos que irão lhe agregar currículo e aprendizado. Não adianta bater sempre na mesma tecla, faça o diferencial e mostre a todos que você é um gerente generalista, fora da caixa, que não possui apenas uma certificação e sim, conhece o processo de desenvolvimento como um todo.

Por hora ficamos por aqui e, nos próximos dias, estarei continuando este tema caso o mesmo seja de interesse dos senhores. Espero que tenham gostado e um forte abraço.

De seu sempre amigo, Bruno Rafael.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Algorítimo Para Validar Cpf Segundo Receita Federal em Java

Executar Audio em Java Swing