segunda-feira, 13 de julho de 2015

Gerenciamento de Projetos - Fatores de sucesso para planejar e desenvolver projetos de forma simples e efetiva



Fala galera! Venho aqui neste fazer uma contribuição referente ao planejamento de projetos "críticos". são citados 10 pontos que devem ser seguidos, para que seja possível a criação do necessário para estes tipo de projetos baseado em Ricardo Vargas. Lets go!

1. Desenvolver Termo de Abertura Este processo tem como objetivo desenvolver o documento Termo de Abertura do Projeto. Ele documenta as necessidades de negócio  que serão atendidas pelos projetos, além de obter  o comprometi- mento  das áreas/pessoas envolvidas e divulgar oficialmente  o nascimento dos projetos  a todas  as partes  interessadas. O Termo de Abertura do Projeto deve ser mantido  inalterado  ao longo do projeto. Sua atualização é feita em caso de mudança  extrema no projeto como, por exemplo, mudança  do patrocinador ou do gerente do projeto, alteração  substancial  do orçamento ou do cronograma previstos. O Termo de Abertura, nesse modelo urgente de plano, também deve incorporar alguns elementos que tradicionalmente deviam estar na Declaração de Escopo. Nesse caso, o que se propõe é a criação de um documento único que aglutine pontos principais da Declaração de Escopo dentro do Termo de Abertura

2. Elaborar a Estrutura Analítica do Projeto Processo que visa desenvolver  a ferramenta  principal do dimensionamento do escopo do projeto. A EAP do projeto é uma estrutura  visual hierárquica que apresenta a decomposição do projeto em partes  menores, mais gerenciáveis, denominadas pacotes  de trabalho. Deve ser construída de modo top-down e detalhada inicialmente em até, aproximadamente, 3 veis. Os demais veis serão atualizados  e detalhados com o desenvolvimento de projetos  através de modelos  de planejamento em ondas sucessivas (GITHENS, 1998).

3. Elaborar o Cronograma Processo que atribui durações aos pacotes de trabalho (menor vel da EAP) e relaciona as precedências entre esses pacotes, gerando o Diagrama de Rede e o Gráfico de Gantt do projeto. Nessa etapa, a duração estimada do projeto é determinada.

4. Estruturar o Orçamento do Projeto O objetivo deste  processo  é criar uma estimativa de custos dos trabalhos do projeto que, consolidada  irá gerar o orça- mento do projeto e gerar a linha de base de custos. O orçamento do projeto deve ser elaborado  no vel de detalhe  que seja compavel  com o efetivo detalha- mento dos trabalhos e pode/deve ser refinado com as atualizações do projeto.


5. Elaborar a Matriz de Responsabilidades Processo que visa desenvolver  a planilha que define as responsabilidades dentro  do projeto. Relaciona as entregas e/ou  grandes  blocos da EAP com os recursos humanos  responsáveis  pela execução e aprovação  dos trabalhos, bem como as partes interessadas que de- vem ser informadas e consultadas. Popularmente conhecida  como matriz RACI (ARMSHAW, 2005).


6. Desenvolver o Plano de Comunicações – Processo que tem como objetivo desenvolver  uma planilha simplificada que destaca  quem  recebe  a informação (principais partes  interessadas identificadas), o que  será comunicado, quando será feita a comunicação, onde será coletada  a informação, porque  a comunicação está sendo realizada, quem é responsável pela comunicação, como ela será feita e quanto  custará a produção  da informação (5W e 2H).


7. Desenvolver o Plano Preliminar de Riscos O objetivo deste processo é identificar os potenciais  riscos do projeto  utilizando  uma  abordagem estruturada para coletar e documentar os riscos identificados, tais como a Técnica de Grupo Nominal (NGT), o Delphi e o Brainstorming (ADAMS  & MEANS, 2006). Sugere-se que apenas  as ameaças  sejam identificadas, descartando-se as oportunidades, para que o processo seja desenvolvido mais rapidamente. Em seguida, os riscos identificados  são analisados  em termos  de probabilidade, impacto  e urgência, permitindo que eventuais  planos de ação sejam desenvolvidos  como resposta aos riscos com maior exposição. O plano de riscos será atualizado  ao longo da execução dos trabalhos.


8. Consolidar Informações no Plano de Projetos Processo que agrupa os documentos anteriormente produzidos no Plano do Projeto. Eventuais apresentações e documentos de apoio também podem ser consolidados  no plano para facilitar o processo de apresentação do projeto para os responsáveis pela aprovação.


9. Aprovar os Documentos  do Plano do Projeto O objetivo deste  processo é garantir que os responsáveis  pelas aprovações  façam uma análise dos documentos  e análises desenvolvidos  no plano do projeto, verificando se todas  as entregas previstas estão de acordo com os objetivos determinados. A aprovação autoriza o início dos trabalhos e transforma o plano de projeto aprovado na linha de base de avaliação de desempenho.

10. Realizar a Reunião de Lançamento do Projeto A reunião de lançamento do projeto  é um evento  de extrema  importância  porque  visa divulgar o início das atividades  do projeto  e como ele deve contribuir para atingir os objetivos estratégicos da Organização. Além de se constituir como uma oportunidade que busca  garantir  o comprometimento da Organização  em relação ao projeto, é considerada como a primeira reunião de trabalho da equipe principal do projeto, na qual o plano é apresentado, sempre buscando o comprometimento das partes interessadas.

Espero que seja útil e até a próxima.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Admin: Bruno

Olá Galera! muito grato por estarem acessando nosso blog. Espero que seja possível transmitir de forma compreensível um pouco de meus conhecimentos em programação, para esta comunidade de desenvolvedores que cresce cada vez mais! Espero que Gostem! Abraço! E meu enorme obrigado à Renato Simões, Átila Soares,Wanderson Quinto, Emerson e a toda galera que sempre ajudou meu sincero obrigado....
Especialmente a Natalia Failache e Rita de Cassia que sempre apoiaram este sonho....

De seu amigo Bruno Rafael.