Aplicação completa com JSP e Banco de Dados- Parte I





Fala galera!!!! \0/ . Devido o grande sucesso do post sobre JSF e JSP, venho aqui mostrar à vocês uma aplicação em JSP com banco de dados. Vamos à brincadeira que daqui à pouco tenho que voltar a mexer em um chat maldito que anda tirando meu sono. Lets go!

1.Escolhendo e configurando o Bando de Dados

Primeiramente você precisa escolher o banco de dados e como exemplo vamos utilizar o MySQL.

Caso você não o tenha, faça o download no site http://dev.mysql.com/downloads, é muito simples de instalar e de usar.


Após instalado, para executar o MySQL utilize o executável WinMySQLAdmin.exe localizado na pasta C:\mysql\bin, em seguida aparecerá o icone de semaforo na barra de tarefas próximo ao relógio.


Após instalado e funcionando é necessário configura-lo, para isso, digite para Host Name ?localhost?e para User Name e Password ?root?, para rodar na máquina local.


Em seguida é necessário criar a base de dados e a tabela, você pode utilizar qualquer programa de manipulação, vamos utilizar o MySQL Control Center, disponível também no site Mysql http://dev.mysql.com/downloads/other/mysqlcc.html.


Como exemplo crie uma base de dados com o nome ?teste? e em seguida vamos criar uma tabela chamada pessoa com as colunas nome, idade e sexo.


Agora estamos prontos pra utilizar nossa base de dados.



2.Configurando o servidor para rodar o JSP

JSP (Java Server Pages) são códigos que quando combinados com tags HTML produzem páginas dinâmicas, que são processadas pelo servidor.


Como servidor, podemos utilizar o Jakarta-Tomcat que pode ser encontrado no site http://jakarta.apache.org/tomcat/ou o Jboss com Tomcat encontrado no site http://www.jboss.org/downloads/index. Caso não tiver, basta instalá-lo.



Então, o primero passo é configurar o servidor para podermos executar essas páginas dinâmicas.



Caso tenha escolhido o Tomcat, é necessário inicia-lo executando o arquivo C:\Tomcat 5.0\bin\startup.bat, onde abrirá uma janela mostrando a inicialização, demora um pouco, mas depois você já pode executar seus arquivos JSP, para isso grave seus arquivos JSP dentro do caminho C:\Tomcat 5.0\webapps\ROOT\ , e execute os mesmos através do browser digitando o caminho http://localhost:8080/ , por exemplo, caso crie um arquivo teste.jsp, o mesmo seria gravado no caminho C:\Tomcat 5.0\webapps\ROOT\teste.jsp e depois seria executado no browser através do endereço http://localhost:8080/teste.jsp, e quando quiser encerrar o Tomcat execute o arquivo C:\Tomcat 5.0\bin\shutdown.bat.



Caso tenha escolhido o Jboss, é bem parecido com o Tomcat, pois o Jboss tem o Tomcat integrado e da mesma forma é necessário inicializar o servidor através do arquivo C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\bin\run.bat, então cria uma pasta dentro do caminho C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\deploy\ com a extensão .war. Por exemplo, caso queira criar uma pasta teste, ficaria da seguinte forma, C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\deploy\teste.war e aqui dentro ficarão nossos arquivos JSP.



Vamos utilizar o Jboss para nossa implementação e vamos fazer um exemplo simples para testar o servidor, crie a pasta teste.war e em seguida crie uma página simples e salve dentro da pasta teste.war.


Então inicie o servidor e em seguida digite o endereço http://localhost:8080/teste/teste.jsp no browser. Aqui a pasta teste não precisa vir acompanhado da extensão .war.
Note que os códigos JSP estão entre <% e %>, e se tudo der certo você verá a mensagem do código JSP na tela.


Para encerrar o Jboss execute o C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\bin\shutdown.bat
Caso você esteja tendo algum problema tente encerrar o jboss ou tomcat e inicializa-lo novamente.

3. Acessando o MySQL através do JSP utilizando o servidor Jboss com Tomcat integrado.

Agora vamos testar a conexão com o Banco MySQL através do JSP. Inicialmente precisamos baixar o driver do MySQL, que é um arquivo .jar disponível no site http://dev.mysql.com/downloads/e copia-lo na pasta C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\lib.


Vamos desenvolver uma página pra testar a conexão com o banco MySQL e salvar com o nome testeConexao.jsp na pasta C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\deploy\teste.war criada anteriormente.



 <%@ page contentType="text/html"%>   
 <!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN" "http://www.w3.org/TR/html4/loose.dtd">   
 <html>   
 <head>   
 <title>Teste JSP</title>   
 </head>   
 <body>   
   <%out.println("Teste efetuado com sucesso");%>   
 </body>   
 </html>  




Então inicia o MySQL, em seguida inicia o servidor Jboss e executa no browser o endereço http://localhost:8080/teste/testeConexao.jsp. Caso funcione aparecerá na tela a mensagem ?Conexão efetuada com sucesso?.


4. Utilizando JSP para acessar Javabeans

Javabeans nada mais é do que arquivos Java acessados através de páginas dinâmicas, ou seja, através do JSP. Nosso propósito será acessar um Javabeans para fazer toda a manipulação do banco, mas antes vamos testar um exemplo simples.
Inicialmente vamos fazer uma aplicação em java seguindo algumas convenções, ?get? para obter dados e ?set? para atribuir dados. Para isso podemos utilizar qualquer editor, inclusive o bloco de notas.



package testeBean;  
  
public class TesteBean {  
     
   String txt = "";  
     
   public void setTexto(String texto){  
      txt = texto;  
   }  
     
   public String getTexto(){  
      return txt;  
   }     
}  




Então dentro da pasta teste.war criamos uma pasta chamada WEB-INF, que é onde serão procurados todos os JavaBenas e dentro da pasta WEB-INF será criada a pasta classes e a pasta lib. Na pasta classes poderemos gravar os arquivos com extensão .class e na pasta lib podemos gravar os arquivos com extensão .jar. Sempre salve os Javabeans dentro de pacotes para evitar transtornos.

Vamos criar um arquivo .jar desse exemplo e salva-la como testeBean.jar na pasta lib, ficando da seguitne maneira C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\deploy\teste.war\WEB-INF\lib\testeBean.jar ou caso preferir pode gravar o pacote testeBean todo dentro da pasta classes C:\jboss-3.0.8_tomcat-4.1.24\server\default\deploy\teste.war\WEB-INF\classes\testeBean\TesteBean.class.

Agora dentro da pasta teste.war iremos criar o arquivo JSP que irá chamar o Javabeans. Salve o mesmo como testeBean.jsp.



<jsp:useBean id="testeObj" class="testeBean.TesteBean">  
<jsp:setProperty name="testeObj" property="texto" value="Testando..."/>  
</jsp:useBean>  
  
<html>  
   <head>  
      <title>Teste Jsp</title>  
   </head>  
     
   <body>  
      <h1>Teste JSP</h1>  
      <p>A mensagem teste é:  
         <jsp:getProperty name="testeObj" property="texto"/>  
      </p>  
   </body>  
</html>  


O comandocria um objeto ?testeObj? da classe TesteBean. O comandoatravés do objeto ?testeObj? utiliza o setProperty para chamar o método setTexto, que associa o property=?texto? ao setProperty e chama o método setTexto do Javabeans passando como parametro o valor ?Testando...?. O mesmo ocorre para o comandoque chama o método getTexto, imprimindo a variável ?txt? do Javabeans na tela.


Você também pode utilizar o objeto criado para chamar os métodos do Javabeans sem utilizar getProperty, colocando o código JSP entre <% e %>, por exemplo poderiamos chamar o método getTexto da seguinte forma <%=TesteObj.getTexto()%>, utilizando o sinal de = para imprimir na tela, ou mandar imprimir utilizando o código <%out.print(TesteObj.getTexto())%>, já que o método getTexto() retorna uma string.


Então inicia o servidor Jboss e executa no browser o endereço http://localhost:8080/teste/testeBean.jsp. Caso imprimir a mensagem ?Testando...? na tela, a chamada ao Javabeans ocorreu corretametne.


5. Utilizando JSP e Javabeans para acessar o MySQL

Agora vamos aperfeiçoar nosso exemplo de conexão com banco de dados, fazendo com que o Javabeans faça a conexão e o JSP acesse o resultado através do mesmo.
Primeiramente vamos criar um JavaBeans para fazer a conexão, bem parecido com o JSP que fizemos anteriormente.



package conexao;  
  
import java.sql.*;  
  
public class Conexao {  
     
   public Connection con;  
   public Statement stm;  
   private String sit = "";  
   
   public Conexao() {  
  
      try {  
  
         Class.forName("org.gjt.mm.mysql.Driver");  
         con = DriverManager.getConnection("jdbc:mysql://localhost:3306/teste","root","root");  
         stm = con.createStatement();   
  
         sit = "Conexão efetuada com sucesso";  
  
           
      } catch (Exception e) {  
         sit = "não foi possível conectar ao banco" + e.getMessage();  
      }  
   }  
     
   public String getSituacao(){  
      return sit;     
   }  
}  



Então da mesma forma mostrada anteriormente salve o Javabeans como Conexao.jar dentro da pasta teste.war\WEB-INF\lib e crie um arquivo JSP e salve como conexao.jsp dentro da pasta teste.war.



package conexao;  
  
import java.sql.*;  
  
public class Conexao {  
     
   public Connection con;  
   public Statement stm;  
   private String sit = "";  
   
   public Conexao() {  
  
      try {  
  
         Class.forName("org.gjt.mm.mysql.Driver");  
         con = DriverManager.getConnection("jdbc:mysql://localhost:3306/teste","root","root");  
         stm = con.createStatement();   
  
         sit = "Conexão efetuada com sucesso";  
  
           
      } catch (Exception e) {  
         sit = "não foi possível conectar ao banco" + e.getMessage();  
      }  
   }  
     
   public String getSituacao(){  
      return sit;     
   }  
}  


Então inicia o Jboss e executa no browser o endereço http://localhost:8080/teste/conexao.jsp. Caso funcione, estamos prontos para começar desenvolver a aplicação em si.


6. Desenvolvimento da aplicação


Agora você poderá implementar os códigos seguintes. Vamos fazer uma breve explicação sobre cada um, cabendo a você analisar o código para entender suas funções.


Conexao.java

Vamos aperfeiçoar ainda mais o Javabeans anterior fazendo com que ele seja responsável por toda manipulação no banco de dados e salva-lo como Conexao.jar na pasta lib.



package conexao;  
  
import java.sql.*;  
  
public class Conexao {  
     
   public Connection con;  
   public Statement stm;  
   public ResultSet res = null;  
   private String nome = null;  
   private int idade = 0;  
   private String sexo = null;  
  
   public Conexao() {  
  
      try {  
  
         Class.forName("org.gjt.mm.mysql.Driver");  
         con =  
            DriverManager.getConnection(  
              "jdbc:mysql://localhost:3306/teste",  
              "root",  
              "root");  
         stm = con.createStatement();   
           
      } catch (Exception e) {  
         System.out.println("não foi possível conectar ao banco" + e.getMessage());  
      }  
   }  
     
   public void setNome(String nome){  
      this.nome = nome;  
   }  
        
   public void setIdade(int idade){  
      this.idade = idade;  
   }  
  
   public void setSexo(String sexo){  
      this.sexo = sexo;  
   }  
  
   public String getNome(){  
      return nome;  
   }  
  
   public int getIdade(){  
      return idade;  
   }  
        
   public String getSexo(){  
      return sexo;  
   }  
  
   public void inserirDados(){  
     
      try {  
         String query = "insert into pessoa(nome,idade,sexo) values(\""+nome+"\","+idade+",\""+sexo+"\")";  
         stm.executeUpdate(query);  
  
      }catch (SQLException e){System.out.println("Erro na inserção:" + e.getMessage());}  
        
   }  
  
   public boolean alterarDados(){  
        
      boolean testa = false;  
     
      try {  
         String query = "update pessoa "+  
                     "set idade = " + idade + ", "+  
                     "sexo = \"" + sexo + "\" " +  
                     "where nome = \"" + nome + "\"";  
  
         int linhas = stm.executeUpdate(query);  
           
         if (linhas > 0)  
            testa = true;  
         else  
            testa = false;  
  
      }catch (SQLException e){System.out.println("Erro na inserção:" + e.getMessage());}  
        
      return testa;  
   }  
     
   public boolean excluirDados(){  
     
    boolean testa = false;  
     
      try {  
         String query = "delete from pessoa where nome='" + nome+"'";  
         int linhas = stm.executeUpdate(query);  
           
         if (linhas > 0)  
            testa = true;  
         else  
            testa = false;  
  
      }catch (SQLException e){System.out.println("Erro na exclusão:" + e.getMessage());}  
        
      return testa;  
   }  
     
   public boolean consultarDados(){  
        
      boolean testa = false;  
           
      try {  
         String query = "select * from pessoa where nome='" + nome+"'";  
         res = stm.executeQuery(query);  
           
         if (res.next()){testa = true;}  
         else{testa = false;}  
           
      }catch (SQLException e){System.out.println("Erro na inserção:" + e.getMessage());}  
        
      return testa;  
   }     
  
   public void setConsulta() {  
        
      try {  
         res = stm.executeQuery("select * from pessoa");  
      }   
      catch (SQLException e){  
         e.printStackTrace();  
      }  
  
   }  
  
   public ResultSet getResultado() {  
      return res;  
   }  
}  




Onde o método construtor será responsável pela conexão ao banco, ou seja, toda vez que for instanciado um objeto dessa classe, o construtor será chamado primeiro e o banco será conectado.

Foram criadas três variáveis privadas nome, idade e sexo, que serão acessadas através dos métodos get e set.
O método inserirDados() é responsável pela inserção no banco, onde será passado como valores as três variáveis privadas.

O método alterarDados() é responsável por atualizar os dados levando em consideração a variável nome, testando se foi encontrado algum registro, retornando assim true ou false.

O método excluirDados(), da mesma forma que o alterarDados(), exclui os dados levando em consideração a variável nome, testando se encontrou algum registro.

O método consultaDados() apenas consulta os dados do banco, também testando se encontrou algum registro.
O método setConsulta() executa uma consulta comum. E o método getResultado() retorna o objeto ResultSet contendo todos os registros do banco.


pessoa.jsp


Agora criaremos um arquivo JSP principal, contendo os campos e botões para inserção, consulta, alteração e exclusão. Chamaremos de pessoa.jsp.

<%@ page contentType="text/html"%>  
<!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN" "http://www.w3.org/TR/html4/loose.dtd">  
  
<html>  
<head>  
<title>Tabela Pessoa</title>  
  
  
<script>  
  
function enviar(par){  
     
   if (par == 'cadastrar'){  
     
      if (document.cadastro.nomeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo nome';  
      }else if (document.cadastro.idadeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo idade';  
      }else if (document.cadastro.sexoField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Escolha o sexo da pessoa';  
      }else {  
         document.cadastro.action='cadastrar.jsp';  
         document.cadastro.submit();  
      }  
  
   } else if (par == 'consultar'){  
  
      if (document.cadastro.nomeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo nome';  
      }else {  
         document.cadastro.action='consultar.jsp';  
         document.cadastro.submit();  
      }  
  
   } else if (par == 'alterar'){  
  
      if (document.cadastro.nomeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo nome';  
      }else if (document.cadastro.idadeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo idade';        
      }else if (document.cadastro.sexoField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Escolha o sexo da pessoa';  
      }else {  
         document.cadastro.action='alterar.jsp';  
         document.cadastro.submit();  
      }  
   } else if (par == 'excluir'){  
  
      if (document.cadastro.nomeField.value == ''){  
         document.cadastro.statusField.value = 'Preencha o campo nome';  
      }else {  
         document.cadastro.action='excluir.jsp';  
         document.cadastro.submit();  
      }  
   } else if (par == 'listar'){  
      document.cadastro.action='listar.jsp';  
      document.cadastro.submit();  
   }  
}  
  
</script>  
  
<meta http-equiv="Content-Type" content="text/html; charset=iso-8859-1">  
<style type="text/css">  
<!--  
.style3 {   font-size: 28px;  
   font-weight: bold;  
}  
-->  
</style>  
</head>  
  
<%  
String nome = request.getParameter("nome");  
String idade = request.getParameter("idade");  
String sexo = request.getParameter("sexo");  
String status = request.getParameter("status");  
%>  
  
<body>  
<form name="cadastro" method="get">  
  
<table width="472" border="0">  
  <tr>  
    <td width="458" height="70" bgcolor="#6699FF"><p align="left" class="style3"> Cadastro pessoa </p>  
    </td>  
  </tr>  
  <tr>  
    <td height="177" bgcolor="#6699FF"><p> <strong>Nome :</strong>  
       <input name="nomeField" type="text" id="nomeField" size="46" value="<%=(nome==null)?"":nome%>"> </p>  
         <p> <strong>Idade :</strong>  
       <input name="idadeField" type="text" id="idadeField" size="10" value="<%=(idade==null)?"":idade%>">  
               <strong>Sexo:</strong>   
  
        <input name="sexoField" type="text" id="sexoField" size="6" value="<%=(sexo==null)?"":sexo%>">  
          
  
         </p>      
   </td>  
  </tr>  
  <tr>  
    <td height="101" bgcolor="#6699FF"><p>   
        <input type="button" onClick="enviar('cadastrar')" name="bt1" value="cadastrar">  
        <input type="button" onClick="enviar('consultar')" name="bt2" value="consultar">  
        <input type="button" onClick="enviar('alterar')" name="bt3" value="alterar">  
        <input type="button" onClick="enviar('excluir')" name="bt4" value="excluir">  
        <input type="button" onClick="enviar('listar')" name="bt5" value="listar">  
      </p>  
      <p> <strong>Status:  
   <input name="statusField" disabled type="text" id="statusField" size="46" value="<%=(status==null)?"":status%>">  
      </strong></p>  
   </td>  
  </tr>  
</table>  
</form>  
</body>  
</html>  




Essa página é uma tela simples com alguns textFields e botões. Os botões utilizam o método onclick para chamar a função enviar(par) escrita em javascript, onde de acordo com cada botão pressionado, é chamado uma página diferente, e aproveitamos também para testar se o campos estão vazios de acordo com cada solicitação.
Note que há um trecho JSP <% String nome = request.getParameter("nome"); %>, que será usado para recuperar os parametros de outras páginas, onde serão melhor visiveis mais a frente.


cadastrar.jsp


Quando pressionamos o botão cadastrar, é necessário que todos os campos em pessoa.jsp estejam preenchidos, então é chamado a página cadastrar.jsp

<%@ page contentType="text/html" language="java" import="java.sql.*"%>  
<jsp:useBean id="con" class="conexao2.Conexao"/>  
  
<!DOCTYPE HTML PUBLIC "-//W3C//DTD HTML 4.01 Transitional//EN" "http://www.w3.org/TR/html4/loose.dtd">  
<html>  
<head>  
<title>Cadastrar</title>  
<meta http-equiv="Content-Type" content="text/html; charset=iso-8859-1">  
</head>  
  
<body>  
<form name="form1" method="post" action="pessoa.jsp">  
  
<p><strong>Tabela Pessoa </strong></p>  
<table border=1 cellspacing=0 cellpadding=0 >  
  
   <tr>  
    <td width=200><strong>  
      Nome  
   </strong></td>      
   <td width=50><strong>  
      Idade  
   </strong></td>      
   <td width=30><strong>  
      Sexo  
   </strong></td>  
   </tr>  
  
  
<%      
   try {  
  
      con.setNome(request.getParameter("nomeField"));  
      con.setIdade(Integer.parseInt(request.getParameter("idadeField")));  
      con.setSexo(request.getParameter("sexoField"));  
      con.inserirDados();  
                 
      con.setConsulta();  
      ResultSet temp = con.getResultado();  
      temp.next();  
        
      if(request.getParameter("nomeField").equals(temp.getString("nome")))  
         response.sendRedirect("http://localhost:8080/teste/pessoa.jsp?status=Registro já existente");  
        
      do{  
      %>  
      <tr>  
          <td width=200>  
               <%out.print(temp.getString("nome"));%>  
         </td>  
          <td width=50>  
               <%out.print(temp.getString("idade"));%>  
         </td>  
          <td width=30>  
               <%out.print(temp.getString("sexo"));%>  
         </td>  
      </tr>  
      <%}while (temp.next());  
     
   }catch (Exception e) {  
      e.printStackTrace();  
   }  
     
%>  
</table>  
  <p> </p>  
  <p>  
    <input type="submit" name="Submit" value="voltar">  
</p>    
<p><strong>Status:  
    <input name="statusField" disabled type="text" id="statusField" size="36" value="<%=request.getParameter("nomeField")%> foi cadastrado com sucesso">  
      </strong></p>  
</form>  
</body>  
</html>




É isso galera! Na parte 2 vamos fazer algumas consultas de dados e o final de nossa aplicação! 
Abraços!

Bruno Rafael.
.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Algorítimo Para Validar Cpf Segundo Receita Federal em Java

Executar Audio em Java Swing

Gerenciamento de projetos: Introdução, Experiência e Estudo - Parte I